Curiosidades – Softwares do BlackBerry

Além da tecnologia push comentada anteriormente, um BlackBerry requer uma variedade de softwares na própria unidade handheld e nos servidores e computadores pessoais. Os aparelhos fazem parte de uma rede que inclui os handhelds, o software do handheld, o software do computador pessoal e o software do servidor.

blackberry-15

A unidade BlackBerry usa um sistema operacional BlackBerry e inclui softwares de e-mail, navegação na web, mensagens instantâneas e gerenciamento de informações pessoais (PIM). Desenvolvedores independentes criaram uma grande variedade de outros programas para o BlackBerry, como jogos e aplicativos de produtividade.

Outros programas de terceiros são aplicativos personalizados que possibilitam às pessoas obter dados e atualizações de softwares proprietários de vendas, coleta de dados e outros programas empresariais. Muitos deles usam uma interface de navegação e mensagens de e-mail para a recuperação dos dados. Os usuários recebem uma mensagem de e-mail com um link no qual podem clicar para fazerem uma chamada telefônica, visualizarem dados ou se registrarem em um serviço. A criptografia SSL e TLS protege as informações e os dados.

Como um BlackBerry possui menos memória e capacidade de processamento que um computador, cada um desses programas precisa ser relativamente menor e mais eficiente. As páginas da web precisam ser simples e não podem depender de frames ou applets. Além disso, são mais eficazes quando usam o mínimo de cores possível. Os desenvolvedores para BlackBerry usam um ambiente de desenvolvimento Java que permite simular um BlackBerry e assegurar que seus programas são compatíveis.

As empresas que empregam múltiplos usuários de BlackBerry freqüentemente usam o software BlackBerry Enterprise Server para gerenciar a conexão de cada BlackBerry com a rede corporativa. O software é executado por trás de um firewall da corporação e envia as informações para as unidades dos handhelds. Os administradores de sistemas também podem usar o software do lado do servidor para atualizar as unidades BlackBerry sem fio.

Os usuários individuais podem executar o software BlackBerry Desktop Redirector em seus computadores, que faz o mesmo papel que o Enterprise Server, mas em menor escala. O Desktop Redirector envia informações em pequenos pedaços, de modo a não sobrecarregar a conexão nem entregar informações desnecessárias ao BlackBerry. O computador deve estar ligado e funcionando para que o Redirector funcione.

Para mais informações sobre PDAs, telefones inteligentes, a disputa de patente do BlackBerry e outros assuntos, confira os links na próxima página.

BlackBerry e o 11 de Setembro
Durante os ataques terroristas de 11 de setembro, muitas redes de celulares não puderam lidar com o grande volume de chamadas, principalmente na área central da cidade de Nova Iorque. Naquele momento, todos os handhelds BlackBerry usaram uma rede própria. A rede BlackBerry continuou a funcionar normalmente, levando ao aumento do uso do BlackBerry entre a polícia, bombeiros e outros trabalhadores de emergências. Agora, a maioria dos handhelds e telefones BlackBerry usa as mesmas redes que outros telefones celulares. Usar uma delas requer um plano de serviço de chamadas telefônica com capacidade para dados.